Lotes & arquitetura

Em casa, por entre a beleza dos barrocais e a história vasta da paisagem

Antes de uma única pedra ser revolvida, camadas de história e de geografia foram postas a descoberto, permitindo ao legado natural da paisagem informar a abordagem do plano. Os afloramentos graníticos que dão nome à herdade, os barrocais, contam histórias interpeladoras e testemunham o respeito pelos elementos, topografia e sabedoria do passado, convertendo este projeto não num empreendimento, mas numa extensão subtil de tudo o que já aqui existiu. Na sua nova casa.

Uma sensação rara de retiro e de conforto moderno, aliada à manutenção da integridade e da paz deste canto selvagem do Alentejo, é a principal caraterística destas casas.

Cada uma é cuidadosamente posicionada em relação ao caráter único do terreno, situando-se discretamente na curva de um vale ou abraçando uma formação rochosa, estabelecendo um diálogo íntimo entre os habitantes no interior e a paisagem no exterior.

John Pawson e outros arquitetos de renome internacional configuraram uma linguagem arquitetónica comum, em resposta à beleza da herdade, criando casas individuais que estão em harmonia com a terra, a comunidade e os elementos.

O futuro residente pode ainda adaptar a casa ao seu gosto ou mesmo trazer o arquiteto da sua escolha, desde que este cumpra os pré-requisitos do plano de pormenor já definidos.

plots and architecture

Plano geral

Em torno do monte estiram-se as novas casas, desenhadas numa linguagem arquitetónica comum, cada uma posicionando-se cuidadosamente para proporcionar tanto privacidade como vistas espetaculares ao longo das estações. Grande ênfase foi dada à contenção, com o fim de reaver o tipo de cidade dispersa que aqui já existiu, não densa mas integrada na paisagem, em que várias casas podem encontrar o seu sentimento de pertença, o seu lugar.

João Gomes da Silva

Arquiteto paisagista:
João Gomes da Silva

Reconhecido pela sua abordagem subtil mas muitíssimo conhecedora das paisagens em evolução, João Gomes da Silva foi o arquiteto paisagista responsável pelo desenvolvimento do conceito inicial para a abordagem à envolvente. A sua profunda compreensão do caráter e da história que perfazem a herdade confluiu na relação entre as estruturas construídas, o meio circundante natural e as pessoas que aqui vão habitar, assegurando que São Lourenço do Barrocal permaneça essencialmente agrícola e respeitoso de uma simbiose entre a nova arquitetura e os elementos pré-existentes.

As terras férteis da herdade continuam a providenciar os residentes, com videiras pesadas por uvas finas de vinificação, vastos olivais, campos ondulantes de cereais, uma horta biológica e gado bovino que por perto ali pasta.

Arquitetura:

John Pawson e Eduardo Souto de Moura foram os dois arquitetos comissionados para o desenvolvimento do conceito inicial. Os dois arquitetos abordaram os lotes de terreno de forma díspare, concretizando uma ideia muito própria do que significa estar aqui em casa. Com uma equipa interna pluridisciplinar, o São Lourenço do Barrocal desenhou a Casa Barrocal, uma casa múltipla, que se adapta aos diferentes lotes e barrocais, dando continuidade ao conceito de integração contemporânea com o local. É esta riqueza de perceções que, provavelmente, diferencia o projeto e o torna tão único.

plots and architecture

Coloque-nos a sua questão Lotes & arquitetura

Muito obrigado

Tentaremos responder à sua questão nas próximas 24 horas
Para esclarecimento imediato, contacte-nos por favor através do número +351 266 247 140

O nosso website usa cookies para melhorar a sua experiência enquanto utilizador Saber mais
close cookies